O que é Reprogramação Mental e como fazer

Tempo de leitura: 5 minutos

Rate this post

As experiências de vida, os ensinamentos de infância, as pessoas que nos cercam. Tudo isso ajuda a moldar nossos valores e a imagem que temos da vida e de tudo o que acontece nela.

É como se nosso seu cérebro usasse todas as informações recebidas para criar padrões e maneiras de processar os acontecimentos. Porém, por vezes a pessoa pode passar a enxergar a vida de uma forma negativa. É neste momento que a reprogramação mental pode ser realizada.

Com algumas técnicas, você, pouco a pouco, consegue mudar a sua forma de encarar a vida, lidar com os problemas e aprender a trabalhar todas as intempéries com serenidade.

O que é a reprogramação mental?

O termo “reprogramação mental” pode até soar meio estranho em um primeiro momento, mas é algo simples de ser compreendido. Trata-se da utilização de métodos simples para treinar a sua mente, de forma a ver o mundo de forma mais fácil e evoluída.

Com as técnicas de reprogramação mental, você consegue alterar as informações neurais, que não forem positivas, por pensamentos que favoreçam a saúde mental. Por meio delas, você guia a sua mente de forma que consiga ter pensamentos menos prejudiciais a si mesmo.

Reprogramação mental e seus benefícios

Você pode estar pensando: para que tudo isso? Saiba que quando a pessoa vê o mundo ou enxerga os acontecimentos de forma mais pesada, ela tem mais dificuldade em encontrar a felicidade. Além disso, tende a ter maiores chances de ter crises de ansiedade e pânico, vivendo momentos de muito estresse.

Ao treinar sua mente para que ela tenha pensamentos mais evoluídos, você acaba minimizando as dificuldades do cotidiano e consegue lidar melhor com os imprevistos. Assim, podemos dizer que os benefícios da reprogramação mental são:

Ter controle da própria mente

Quando você começa a aplicar as técnicas e aprender a direcionar a sua mente para pensamentos mais positivos e menos destrutivos, acaba tendo mais controle das suas emoções.

Com isso, consegue lidar com as adversidades diárias de forma mais leve e, consequentemente, passa a ter resultados mais satisfatórios.

Se livrar de vícios e hábitos ruins

O melhor controle dos pensamentos também ajuda às pessoas que querem se livrar de um vício, como parar de fumar ou beber, por exemplo.

Isso acontece porque esse tipo de hábito vem de uma limitação que seu cérebro entende como aceitável. A partir do momento em que você consegue guiá-lo para outros pensamentos e entendimentos, fica mais fácil eliminar comportamentos nocivos à saúde e substituí-los por ações mais saudáveis.

Ter mais foco

A reprogramação mental traz mais clareza para os pensamentos. Com isso, a pessoa torna-se capaz de eliminar preocupações que não são tão importantes e focar nos objetivos. Há um aumento na concentração na hora de estudar, trabalhar ou realizar outra atividade importante.

Diminuir os riscos de doenças

O que é Reprogramação Mental e como fazer

A forma como as pessoas lidam com as emoções pode resultar em doenças como depressão, crise de ansiedade e síndrome do pânico. Para tratá-las, é preciso de apoio de profissionais da psicologia e da psiquiatria. Porém, técnicas como as da reprogramação mental podem fazer com que essas doenças sejam evitadas ou até ajudar a controlá-las de forma mais eficientes.

Como você viu, os benefícios da reprogramação mental são diversos. Com isso, ela pode ser usada para diminuir a ansiedade, melhorar a concentração nos estudos, ser mais eficiente no trabalho, superar traumas e até para emagrecer, já que ela permite o controle das emoções e evita que a pessoa como por compulsão.

Maneiras de realizar a reprogramação mental

São várias as técnicas que podem ser usadas para realizar a reprogramação mental. No geral, elas são muito semelhantes ao processo de auto-hipnose e, assim como tal, precisam de foco e persistência para surtirem o efeito desejado.

Lembre-se de que os pensamentos e valores que você tem hoje são frutos de muitos anos de aprendizado, convívio social e experiência de vida. Mudar tudo o que o cérebro recebeu de informações durante muitos anos é um processo que deve ser feito em etapas. Os benefícios vão sendo conquistados aos poucos.

Para chegar até eles, são utilizadas algumas técnicas.

Visualização

Essa é uma das técnicas usadas também para o controle de crise de ansiedade. Consiste em imaginar situações positivas e vivenciá-las, como se realmente estivessem acontecendo.

Isso faz com que o seu subconsciente aprenda a interpretar determinada situação da mesma forma.

Para uma melhor compreensão, pense em uma pessoa que tenha medo de altura. Nessa técnica, ela pode mentalizar um salto de asa-delta e sentir que está feliz e realizada com aquela emoção. O subconsciente passa a entender que a altura e o desafio podem ser encarados de forma positiva.

Pense positivo

Provavelmente você já ouviu falar no poder do pensamento positivo ao conversar com um coaching ou ler um livro de autoajuda. Saiba que essa dica é real e tem muito poder de transformação.

Pensar positivo é uma das formas de reprogramação mental, mas atenção: é preciso acreditar no que pensa!

Não adianta repetir frases bonitas mentalmente. É necessário acreditar nelas para que a sua mente compreenda que deve processar as informações dessa nova forma.

Pratique a meditação

O que é Reprogramação Mental e como fazer

Ao meditar você conquista o relaxamento tanto do corpo quanto da mente. Ela também auxilia no autoconhecimento e na exploração do subconsciente.

A reprogramação mental pode transformar a sua vida em todos os sentidos, e muitas das técnicas citadas são semelhantes às usadas na auto-hipnose. O que acha de aprendê-las e praticá-las? Conheça nosso curso virtual e descubra tudo o que precisa sobre auto-hipnose.

Aprenda hipnose do zeroPowered by Rock Convert