Como desenvolver praticar a empatia ao próximo com a hipnose

Tempo de leitura: 5 minutos

5
(2)

Entender o sentimento da outra pessoa e se colocar no lugar dela é o que chamamos de empatia ao próximo. Pessoas empáticas conseguem ver o mundo pelo olhar do outro e, dessa forma, são capazes de avaliar o cenário sobre outra perspectiva. Dessa forma, elas têm uma habilidade especial de compreender o outro. 

Desenvolver essa habilidade e conseguir compreender as ações do outro não é algo simples, mas é possível. A hipnose pode ajudar qualquer pessoa a ter empatia ao próximo. Descubra como! Para isso, continue a leitura!

O que é empatia ao próximo?

Ter empatia ao próximo é conseguir se identificar com o outro e se colocar no lugar dele. Dessa forma, a pessoa empática consegue compreender o comportamento dos demais sem suposições, pois é capaz de ver o mundo como as outras pessoas o enxergam. 

Por que ela é tão importante?

Com base nas experiências pessoais, é comum que as pessoas, de uma forma geral, tirem conclusões precipitadas sem ao menos dar ao outro a chance de se explicar. Afinal, é muito simples olhar uma situação ou uma atitude, tirar conclusões e pensar os motivos que levaram a pessoa a traçar aquele caminho. O problema é que essas conclusões baseadas no “achismo” podem resultar em ações injustas.

Vamos supor, por exemplo, que um profissional chegue atrasado a um compromisso de trabalho, que é considerado muito importante. A outra pessoa, que o espera, pode simplesmente acreditar que o indivíduo que se atrasou não está comprometido com o tema da reunião.

Por outro lado, se a pessoa tiver empatia ao próximo, pode dar a ele a oportunidade de falar sobre o motivo do  atraso ou, até mesmo, sem ouvir a explicação, ao invés de julgar, pensar que pode ter acontecido um imprevisto. Afinal, há vários motivos para uma pessoa se atrasar. Uma criança doente, o ônibus que não passou, um pneu furado ou até um congestionamento.

Dessa forma, é possível que mesmo que a pessoa tenha saído cedo de casa, ela tenha se atrasado por algo que não estava em seu alcance. Quem tem empatia pelo próximo consegue ver essas possibilidades e compreender as dificuldades enfrentadas pelo colega. Assim, é possível dizer que ter  a empatia ao próximo é importante por: 

  • desenvolver ações de solidariedade, já que ajuda as pessoas a se colocarem no lugar do próximo;
  • aumentar o respeito, pois ao ter empatia fica mais fácil entender e compreender os caminhos escolhidos pelos outros e aceitá-los, sem questionamento;
  • preparar as pessoas para ouvirem e compreenderem os outros;
  • desenvolver a consciência coletiva.

Quatro formas de desenvolver a empatia ao próximo

A empatia ao próximo pode ser desenvolvida diariamente. Para isso, é importante fazer uma análise pessoal e verificar como você está agindo com as outras pessoas. Veja alguns exercícios diários que podem ajudar a desenvolver esse sentimento. 

Entenda que há vários fatores envolvidos

Será que a culpa de um problema ter acontecido é só do outro? Será que você não teve nenhuma parcela de participação no que gerou a última discussão? A primeira coisa para desenvolver a empatia ao próximo é sempre lembrar que não existe um motivo único.

Tudo o que acontece é consequente de um conjunto de fatores e isso inclui as suas próprias ações e decisões. Ao mesmo tempo, o acontecimento não é causado só por você. Afinal, você não é o centro do mundo. Logo, entender e aceitar a variedade de ações e influências é o primeiro passo.

Seja paciente 

Quando se é paciente fica mais fácil entender que cada pessoa tem o seu jeito e a sua forma de entender o mundo e viver nele. Dessa forma, compreender tanto o comportamento dos outros, quanto o seu, fica mais simples. 

Escute os outros

Ouvir não é fácil, mas é preciso. Muitas vezes, a pessoa só quer ser ouvida e se você aprende a fazer isso, pode ajudar a confortar alguém, sem precisar fazer nada. Só parando e escutando.

Além disso, quando a gente escuta, fica mais fácil compreender a dor do outro, suas angústias e anseios. Dessa forma, é possível desenvolver a empatia ao próximo. 

Julgue menos

Ninguém é perfeito e se você quiser ser mais empático, precisa se lembrar sempre disso. É preciso respeitar as suas próprias limitações e também as do outro. 

Assim, além de aceitar as falhas, você se tornará mais aberto a escutar os motivos que levaram a outra pessoa a trilhar por determinado caminho. Para ser empático, isso é essencial. 

Como a hipnose pode ajudar

A hipnose pode ajudar a desenvolver a inteligência emocional, a diminuir a ansiedade, o estresse e atingir o equilíbrio. Além disso, a hipnose ajuda a aumentar a autoestima, melhorar a tomada de decisões e os relacionamentos interpessoais. 

Dessa forma, a pessoa se torna mais preparada para lidar com as adversidades da vida e também para administrar as próprias emoções. Assim, com o equilíbrio conquistado, se torna capaz de compreender melhor o outro e, consequentemente, ter mais empatia. 

De maneira geral, a hipnose também pode ajudar também a desenvolver: 

  • a auto responsabilidade;
  • a percepção das emoções;
  • o gerenciamento eficiente das emoções;
  • o melhor entendimento e compreensão do próprio comportamento;
  • a identificação e domínio das próprias emoções;
  • a identificação da importância de trabalhar as emoções negativas;
  • a autoconfiança;
  • a melhora da comunicação;
  • o sentimento de empatia;
  • a prática a resiliência;
  • a capacidade de ouvir, agir e reagir a algo;
  • o conhecimento dos seus limites.

Todas essas melhorias podem ajudar a pessoa a desenvolver a empatia, a melhorar o convívio e o entendimento dos sentimentos dos outros. 

Outro ponto importante é praticar a comunicação não-violenta no dia a dia. Veja dicas de como fazer isso.

Esse artigo foi útil?

Clique na estrela para pontuar!

Média de pontuação 5 / 5. Vote count: 2

No votes so far! Be the first to rate this post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *