Sentimento de posse: como descobrir a origem e trabalhar isso em você

Um relacionamento pode acabar por diversos motivos. Dentre eles, fim da paixão, incompatibilidade de projetos de vida, ciúmes e quando uma das pessoas tem sentimento de posse. Às vezes, a outra se sente tão sufocada que acaba não tolerando mais a parceria amorosa.

Embora, muitas vezes, o sentimento de posse esteja ligado a um relacionamento conjugal, ele também pode afetar as amizades e até o convívio familiar. Uma pessoa que sofre com isso, acaba alterando a rotina de todos ao redor e, muitas vezes, afastando quem tenta se aproximar.

Por isso, é preciso procurar corrigir isso e descobrir a origem do problema. Saiba mais sobre o sentimento de posse e veja como a hipnose pode ajudar na solução.

O que é o sentimento de posse?

Se você quer controlar tudo o que o outro faz e, se depender do seu desejo, a pessoa corta relações até com familiares e amigos, você pode ter desenvolvido um sentimento de posse. Como o nome sugere, o sentimento de posse se manifesta quando uma pessoa  pensa ou age como se fosse dona da outra. Assim, começa a controlar tudo como, por exemplo:

  • suas atividades;
  • as pessoas com as quais interage;
  • o que está pensando;
  • como se comportar no trabalho;
  • se ligou para alguém;
  • se falou com algum amigo ou parente;
  • porque se atrasou cinco minutos, enfim, tudo! 

E pior ainda. Além da pessoa que tem sentimento de posse querer controlar, ela não costuma acreditar no que o outro diz. Se o possessivo indaga o motivo do atraso, por exemplo, e o companheiro diz que estava na fila do supermercado, quem questionou não acredita. Logo passa a pensar que o namorado ou marido mentiu

Tensão e insegurança fazem parte da personalidade e da rotina e podem tornar o dia a dia muito difícil. No geral, no começo do relacionamento as pessoas acham que é só uma pequena insegurança, que logo passará. Entretanto, com o tempo a tendência é que a demonstração de possessividade piore

A pessoa que tem sentimento de posse torna-se obcecada e passa a espionar o outro. Para isso, olha o celular, revista os bolsos, lê bilhetes e, em casos extremos, até segue na rua. Geralmente, esses indivíduos apresentam características como: 

  • tentam conseguir o que querem sendo agressivas; 
  • precisam ser o centro das atenções, sempre;
  • querem controlar a vida do outro;
  • tratam a pessoa como um objeto, que não pode ser compartilhado;
  • sufocam a pessoa amada com mensagens e ligações constantes;
  • justificam as suas atitudes extremas falando que são consequências de muito amor e zelo. 

Diferenças entre ciúmes e possessividade

O ciúme ocorre quando a pessoa tem medo de perder o outro, mas comumente está ligado a um contexto sexual. Por exemplo, o parceiro ou parceira senta para conversar com uma pessoa de um sexo pela qual ela não se interessa ou com muito mais idade. Neste caso, o companheiro ou companheira não sente nada. 

Entretanto, se o outro está acompanhado de alguém que possa ser atraente a ele, a insegurança se manifesta. Isso é ciúmes. Claro que cada pessoa manifesta o ciúme de uma forma. Enquanto umas se controlam, outras gritam. Mas sempre tem um contexto sexual envolvido. 

Já no caso do sentimento de posse, a insegurança é constante. Com isso, a cobrança e as reações também são extremas e sem limites. Tudo se torna um problema ou um questionamento, desde um colega de trabalho que mandou mensagem até a cor da roupa que veste. Quem tem sentimento de posse não dá nenhuma liberdade para o outro.

Como descobrir a origem desse sentimento com hipnose

Se você sente isso ou se o seu companheiro ou companheira tem sentimento de posse, é necessário procurar ajuda. Só assim será capaz de ter relacionamentos, tanto amorosos, quanto familiares e de amizade, saudáveis. 

Para corrigir o problema, é preciso encontrar a causa. Por que a pessoa que tem sentimento de posse se tornou tão insegura? Provavelmente, isso é resultante de um trauma vivido como, por exemplo, ter sido abandonada pelo pai ou pela mãe. 

Seja qual for o motivo, por meio da hipnose é possível encontrar a causa de diferentes maneiras, entre elas a regressão. Depois disso, o hipnoterapeuta consegue ressignificar o evento traumático, de forma que sempre que a pessoa for exposta a um gatilho, ela vai se recordar do evento. Logo, não se sentirá mais insegura. Dessa forma, o sentimento de posse passa a ser controlado.

É importante procurar ajuda o quanto antes, pois quem tem que conviver com o sentimento de posse acaba vivendo um relacionamento tóxico. Descubra o que é isso

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp