5 minutos Entender os motivos que fazem a pessoa realizar uma compra ou preferir um estabelecimento comercial ao outro, pode ajudar a empresa a alavancar as vendas. Para compreender como esse processo acontece, é preciso entender como funciona a mente do consumidor.  Afinal de contas, as decisões de consumo são influenciadas pelo inconsciente. É por isso que há pessoas, por exemplo, que compram o que não precisam ou às vezes preferem pagar mais caro em determinada loja. Todas essas decisões dependem da mente do Continue lendo

4 minutos A Organização Mundial da Saúde classifica o Brasil como o país mais ansioso do mundo. Estima-se que 8,6 milhões de brasileiros sofram com esse transtorno, que pode causar diferentes alterações em seus hábitos diários e, dentre eles, o comportamento repetitivo.  É bem possível que você sofra com isso ou conheça alguém que, por ansiedade, roa as unhas ou morda as bochechas sem parar. Esses são alguns dos comportamentos repetitivos que podem ser consequentes da ansiedade. Essas alterações têm tratamento, que pode ser Continue lendo

5 minutos Entender o sentimento da outra pessoa e se colocar no lugar dela é o que chamamos de empatia ao próximo. Pessoas empáticas conseguem ver o mundo pelo olhar do outro e, dessa forma, são capazes de avaliar o cenário sobre outra perspectiva. Dessa forma, elas têm uma habilidade especial de compreender o outro.  Desenvolver essa habilidade e conseguir compreender as ações do outro não é algo simples, mas é possível. A hipnose pode ajudar qualquer pessoa a ter empatia ao próximo. Descubra Continue lendo

4 minutos Neurociência e tecnologia se completam em diversos campos, como o do desenvolvimento da aprendizagem e até da justiça.  Ao mesmo tempo em que as descobertas científicas, que envolvem o cérebro e as associações neurais, ajudam no desenvolvimento de técnicas de ensino mais eficientes, o uso constante de tecnologia e o fluxo de informações contínuo e crescente obriga o cérebro a funcionar de uma forma diferente. Assim, essa interação entre a neurociência e tecnologia acaba influenciando em aspectos humanos e sociais. Quando bem Continue lendo

4 minutos Um estudo feito pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) da USP concluiu que a maioria dos trabalhadores brasileiros gostou de trabalhar em casa. Dos participantes da pesquisa, 70% gostariam de permanecer nesse sistema de trabalho após a pandemia. Contudo, houve também quem não gostasse da experiência e até quem ainda enfrenta dificuldade para manter a produtividade no home office.  Afinal, misturar família, crianças e trabalho em um único ambiente pode ser uma tarefa difícil. Principalmente quando a maioria dos profissionais Continue lendo